Notícias

O som dos violinos, violas, violoncelos, contrabaixos, flautas e instrumentos de percussão da Orquestra de Câmara GerAção Azul encantou o público na abertura do Festival de Música do Colégio São Luiz, no dia 25 de maio.

Patrocinados pelo Instituto Cândido e com o apoio cultural do Insituto Solidare, os jovens artistas mostraram o resultado de uma iniciativa que procura transmitir ensinamentos para o aperfeiçoamento da execução do instrumento, da técnica rítmica e da harmonia.

A Orquestra GerAção Azul é um dos projetos educacionais da ABCD - Associação Beneficente à Criança Desamparada “Nossa Casa”, que tem por objetivo proporcionar desenvolvimento social, integração, estimular disciplina, ocupação, capacidade criativa e organização dos componentes da orquestra.

Criada em 2008, por Renato Loyola, Luiz Cândido e Solange Palma Torelli, a orquestra tem atualmente 38 integrantes entre oito e 17 anos de idade. A maior parte veio deles da ABCD Nossa Casa, mas há também crianças e jovens de outras instituições, bem como moradores da zona oeste de São Paulo.

Sob o comando dos professores Luiz Cândido, Everton Pereira e Renato Loyola (que também rege o grupo), a orquestra tem como madrinha desde 2009 a cantora Mariana Belém, filha de Fafá de Belém.

De abril de 2009 até agora, a orquestra já se apresentou mais de uma dezena de vezes em eventos como a 3ª Mostra de Responsabilidade Social da FIESP, a Festa anual Dawali, da Associação Indiana de São Paulo e em locais como o Hotel Transamérica e o Teatro Cultura Artística.

O repertório da orquestra é variado e os arranjos são exclusivos. Beethoven, Villa Lobos, Tom Jobim, Milton Nascimento e Deep Purple são alguns dos autores escolhidos, o que mostra a versatilidade e explora o potencial já desenvolvido pelos integrantes, apesar do pouco tempo de estudo.